Curso Teste ANPAD

Raciocínio Lógico : O que é a Lógica da Argumentação ?

5 (100%) 2 votes

Raciocínio Lógico : O que é a Lógica da Argumentação ? 1

Prof. Eduardo Chaves : Engenheiro e Matemático pela UFMG

A Lógica da Argumentação é um ramo da Lógica chamada de Lógica formal.

Ela trabalha com estruturas lógicas diversas como : Proposições, Premissas, Conclusões e Argumentos e suas Negações.

Vamos conceituar cada uma destas estruturas utilizadas na Lógica da Argumentação.

1- Proposição Simples

É uma sentença declarativa fechada cujo valor lógico é verdadeiro ou falso.

Exemplo : João é médico.

Pode ser verdadeiro ou falso que João seja médico. E esta é uma sentença declarativa. Portanto, se trata de uma proposição simples.

Exemplos de sentenças que não são proposições simples :

Ex-1) Ninguém levanta !       Não é porque é uma sentença imperativa.

Ex-2) x + 3 = 8     Não é porque se trata de uma sentença aberta, ou seja, o seu valor lógico depende do valor de x .

Ex-3) Ninguém aqui é maior de 18 anos.  Não é porque, na sentença, o sujeito tem que ser definido, Ninguém não é sujeito definido.

2- Proposição Composta

No Raciocínio Lógico, proposições compostas são duas ou mais proposições simples, ligadas por uma estrutura lógica chamada de conectivo.

Ex : João é médico ou Maria é dentista.

3- Premissas

Também chamadas de proposições categóricas. São proposições sempre verdadeiras.

As principais premissas utilizadas na construção dos argumentos são :

3.1 ) Algum A é B.

3.2) Nenhum A é B.

3.3) Todo A é B.

O Conhecimento destas premissas é fundamental para que o aluno obtenha sucesso em uma prova de lógica, de Concursos, incluindo o Teste ANPAD. Elas trabalham o tempo todo com diagramas.

4) Argumento

É uma estrutura lógica, bem mais completa, que compreende a presença de Premissas e uma conclusão.

Se a conclusão for verdadeira, no sentido de que ela é verificada a partir da análise das Premissas, então o argumento é classificado como válido.

Caso contrário, o argumento é classificado como inválido.

4.1) Exemplo de Argumento válido

P1 : Todo marinheiro sabe nadar.

P2 : João é marinheiro.

C : Logo, João sabe nadar.

4.2) Exemplo de Argumento inválido

P1 : Todo marinheiro sabe nadar.

P2 : João sabe nadar.

C : Logo, João é marinheiro.

Neste caso, não podemos garantir que João seja marinheiro, porque ele pode saber nadar sem, necessariamente, ser marinheiro.

5) Questão de Lógica da Argumentação resolvida pelo Prof. Eduardo Chaves

Esta questão de lógica da argumentação, resolvida pelo Prof. Eduardo Chaves, é uma questão fácil mas, extremamente importante, para que o aluno perceba os detalhes fundamentais que cercam a resolução de questões simples, médias e até mais difíceis.

 

Se você gostou deste artigo, classifique-o, dando a sua nota, na parte superior !!!

Muito obrigado !!!!!     :mrgreen:  :mrgreen:

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *